Publicado em Músicas

10 Músicas Legais que descobri em Janeiro

Bem vindos a fevereiro!!

E aí, o que fizeram no primeiro mês do ano? Começaram com o pé direito?

Sabe, antes da virada do ano, fiz aquelas promessas internas que sempre fazemos para nós mesmos no início de cada ciclo e entre essas promessas/objetivos pessoais, me comprometi a SEMPRE que eu descobrisse uma música nova que fosse bacana, eu anotaria!

Segui a risca essa meta mensal nesse primeiro mês e adivinhem só? 49 músicas que eu nunca tinha ouvido na minha vida, foram acrescentadas na minha biblioteca do Spotify!

Sabe quando você coloca determinada playlist que você criou para tocar, sem ticar a função repetir playlist? Então, quando a mesma chega ao fim, sem essa opção ticada, o Spotify continua trazendo outras músicas que não estão salvas na sua biblioteca, seguindo o mesmo estilo da playlist que você estava escutando. Sabiam dessa? Foi assim que descobri, uma boa parte, de tanta música nova! 😀

Claro que, não vou inserir as 49 músicas aqui, haja ouvidos! Rs. No entanto, selecionei as 10 melhores para que vocês também possam conhecer e assim, quem sabe, entre para a biblioteca de vocês também! Preparados? 😉

1| Like That – Bea Miller

Bea Miller é uma cantora norte-americana talentossísima de apenas 19 anos. Ficou em nono lugar na segunda temporada do The X Factor dos Estados Unidos e atualmente tem contrato assinado com duas gravadoras, sendo a Hollywood Records e Syco Music. (Poderosa!) Tem outra música dela que também descobri e resolvi incluir nessa lista. Confiram abaixo:

2| Yes Girl – Bea Miller

Sucesso sim, claro ou com certeza??

3| Watch – Billie Eilish

Eu já conhecia uma outra música dela (bellyache), mas quando ouvi “Watch” foi como se eu NUNCA TIVESSE OUVIDO UMA BOA MÚSICA na vida! Melhor canção de todos os tempos! Quem aí concorda comigo?!

4| Mermaid – Skott

Somente eu que me emocionei com esta música?? Skott é uma cantora sueca, iniciante e seu estilo musical lembra bastante a Lana Del Rey. Lançou algumas músicas avulsas (incluindo esta) em 2016 (mais precisamente 8 músicas e 2 videoclipes) e somente em 2018 lançou seu primeiro EP. Uma cantora nova com bastante potencial, já estou torcendo para que sua carreira deslanche! 🙂

5| Our Hearts Are Wrong – Jessica Lea Mayfield

Aquele tipo de música para ouvir enquanto relaxa. Em contraponto com Bea Miller e a Skott que são cantoras em início de carreira, Jessica é uma veterana da música. Na ativa desde 2006, possui um total de 5 álbuns de estúdio e 1 EP.

6| Phase Me Out – Verité

Fala se essa música não é uma delícia?? Não consigo imaginar outra voz casando tão bem com essa melodia, quanto a da Verité! A propósito, eu já conhecia uma outra música dela, chamada: “Need Nothing” igualmente maravilhosa, mas com uma pegada mais sexy. Vale a pena ouvir também!

7| Don’t Panic – XYLØ

Eis aqui um popzinho bem gostosinho. Uma curiosidade muito interessante (e que a priori não percebemos) é que XYLO na verdade são uma dupla (os irmãos Paige Duddy e Chase Duddy). Que nem Sofi Tukker em que apesar de ser uma dupla, somente a mulher canta.

8| My Medicine – The Pretty Reckless

Trouxe um pouco de rock também, pois merecemos, né?? Eu só conhecia uma música desta banda até hoje (a clássica “Fucked Up World) e agora estou apaixonada por My Medicine. Não é engraçado ver uma vocalista roqueira com a maior cara de patricinha?? Rsrs.

9| Segue o Som – Vanessa da Mata

Estava eu dentro de um sebo, quando de repente começou a tocar essa música. Na hora identifiquei ser a voz da maravilhosa Vanessa da Mata e após ouvir mais um pouco (até o refrão), tive a certeza que queria ter essa música na minha biblioteca também! Ativei o Shazam! Música popular brasileira é tudo de bom!

10| Xote Universitário – Falamansa

E para fechar vamos de forrózinho? Prestem atenção na letra dessa música! Ainda bem que já terminei a faculdade… rs. Aproveitando o gancho, amanhã (dia 02) terá show do Falamansa em São Paulo!! Eu já comprei o meu ingresso! Bora se encontrar lá?! 😀

E é isso… em março espero trazer mais uma lista de músicas legais que descobrirei durante esse mês. Gostaram dessas? Já conheciam alguma? Me conta tudo nos comentários!!!

Publicado em Músicas

L.E.J.

Há alguns anos atrás, que não sei mensurar exatamente quantos, lá estava eu passando o tempo, um pouco entediada, pelo feed do Facebook, até que, de repente, me deparei com um vídeo de três mulheres cantando. Parei nelas para assistir, sem muita expectativa, e, no entanto, fui completamente fisgada. Elas cantavam um medley fantástico de várias músicas, que por acaso eu conhecia, mas com uma sonoridade única que percebia-se ser o estilo próprio delas! Fiquei encantada! ❤️

Quem são essas meninas?? São famosas?? De onde vieram?? Foram as dúvidas que imediatamente surgiram na minha cabeça. Fui atrás de mais vídeos e adivinhem só? Encontrei outro medley igualmente maravilhoso:

Como elas conseguiam cantar tão rápido em certas partes das músicas?? Pronto. Bastou dois vídeos para que eu já tivesse virado fã.

L.E.J. (Elijay) é a abreviação de seus nomes: Lucie Lebrun, Élisa Paris e Juliette Saumagne. São francesas e ficaram famosas justamente por produzirem vídeos como esses dois que vimos acima (anteriormente teve o Summer 2014). Élisa e Lucie são as cantoras principais (já lhes adianto que Élisa é a minha preferida ⭐️) enquanto Juliette faz o back vocal e toca violoncelo. São amigas desde a infância e todas as três nasceram em 1993 (mais novas que eu rs) no subúrbio de Paris em Saint-Denis. Até o momento possuem dois álbuns lançados, que são: En attendant l’album de 2015 e Poupées russes de 2018.

En attendant l’album

Esse álbum possui 11 faixas, sendo que 10 são covers (maravilhosos diga-se de passagem) e apenas uma composição original: “La dalle”. Confesso que fiquei muito surpresa quando descobri que todas as outras músicas eram regravações, pois, apenas “Survivor” (das Destiny’s Child), “Get Lucky” (do Daft Punk) e os medleys: “Summer 2015” e “Hip Hop Mash Up” eu já conhecia e sabia que não eram composições próprias.

Agora “Jimmy”, por exemplo, se tornou a minha música preferida deste álbum e quando fui atrás da letra, me surpreendi ao descobrir que na verdade, a canção pertence a um grupo musical franco-americano, chamado Moriarty. Até fui ouvir a versão original e adivinhem só? Não chegou nem aos pés da versão criada pelas meninas do L.EJ.! Deem uma conferida:

Outra música que também gostei bastante, é “Can’t Hold Us”, a composição original pertence a uma dupla chamada Macklemore & Ryan Lewis, e a versão original também é muito boa, num ritmo completamente diferente ao que foi gravado pelas meninas. Recomendo as duas versões!! “Hanging Tree” que faz parte da trilha sonora de Jogos Vorazes, também tem seu cover em En attendant l’album, entre outros. E para fechar as minhas considerações sobre esse álbum, deixo vocês com o videoclipe de “La dalle”:

 

Agora vamos falar de Poupées russes

Poupées russes

Agora sim um álbum totalmente delas, com composições próprias em francês!!! Possui 12 faixas e até o momento há dois singles sendo trabalhados: “La Nuit” e “Acrobates”. Abaixo, o videoclipe mais recente de 6 meses atrás:

Deste álbum, a minha preferida mesmo é: “Par Ego” que é apesar de ser a terceira faixa, foi a primeira a me fisgar:

Além dessas, também podemos destacar “Poupées russes” – título do álbum e primeira faixa do CD – e “Le verbe” que é, nada mais, nada menos que, a segunda composição original delas, depois de “La dalle”.

Enfim, é isso people. Deixo vocês com essas musas talentosíssimas. Se alguém aí, assim como eu, também já aderiu ao Spotify, é só buscar pela sigla L.E.J. e dar play! Vocês também vão se apaixonar! ❤️

Publicado em Músicas

As 10 Melhores Canções de Amor

Good night people!

Hoje estou mais amorosa que o habitual e resolvi trazer uma playlist especial de músicas românticas. Mas não são apenas músicas românticas e sim AS MELHORES canções de amor! Seja melhor na melodia, na letra, enfim, tudo! Preparados?? Então lá vamos nós!

1- “Blue Jeans” da Lana Del Rey, na minha humilde opinião, não é só uma belíssima canção, mas também a MELHOR canção já gravada por ela. Ainda que seja uma música antiga, do álbum “Born to Die” de 2012, continua sendo a minha música preferida até hoje, não desmerecendo as outras, igualmente incríveis, que ela lançou de lá para cá. Felizmente essa canção se tornou single e a escolha do branco e preto para o videoclipe deu um resultado ainda melhor! Amo!

 

2- “Give You What You Like” da Avril Lavigne é sem sombra de dúvida umas das canções mais lindas que ela já gravou. Só é uma pena que esse álbum, de 2013, não tenha sido bem explorado e a música não tenha feito o real sucesso que merecia.

 

3- Quando ouvi “Don’t Blame Me” do álbum mais recente da Taylor Swift, Reputation de 2017, quase tive um treco! Sabe quando você ouve uma música tão incrível que até sente uma emoçãozinha? Tem músicas que eu preciso ouvir mais de uma vez para gostar, já essa foi amor à primeira vista!! Que tradução linda!! Essa música conseguiu desbancar todas as outras músicas românticas que ela já lançou!!

 

4- “Figure 8” da Ellie Goulding é outra música que você precisa conhecer!!! Do álbum Halcyon de 2012 é a minha música preferida dessa cantora! Que melodia, que letra, que videoclipe! Tenho certeza que você também vai a-m-a-r!!

 

5- “Bad At Love” da Halsey, presente no seu segundo álbum hopeless fountain kingdom, foi outra música que me apaixonei à primeira ouvida. Posteriormente fiquei mega feliz quando se tornou single, mas acabei me decepcionando um pouco com a simplicidade do videoclipe. Além de não ter entendido muito a relação da história retratada com a letra da música rs. Mas enfim, é uma música bela!

 

6- Falando em Halsey, não poderia deixar de citar “Him & I” do G Eazy em parceria com a cantora. Faixa integrante do seu mais recente álbum de 2017, The Beautiful & Damned, eles estavam literalmente juntos quando gravaram, o que contribuiu para que todo o conjunto ficasse ainda mais lindo e perfeito (música e videoclipe). Até mesmo a imagem distorcida do vídeo foi proposital, atribuindo um estilo mais marcante ao resultado final.

 

7- Você muito provavelmente nunca deve ter ouvido “The Harold Song” da Kesha. Essa música faz parte do seu segundo álbum, “Cannibal” de 2010, e tem uma letra de partir o coração. Perfeita para ouvir na fossa.

 

8- “Higher” da Rihanna é para aqueles amores bandidos. Sem melação, mas ainda assim romântica. A faixa faz parte do seu álbum ANTI de 2016 e tem apenas 2 minutos de duração, acredita?! Parece apenas uma recitação, pois sequer possui refrão.

 

9- Vamos agora falar de uma clássica que provavelmente você já conhecia: “Big Girls Don’t Cry” da Fergie. Do seu primeiro álbum solo “The Dutchess”, de 2006. Não consigo pensar em nenhuma outra música romântica dela que tenha feito tanto sucesso quanto essa até os dias de hoje.

 

10- E para fechar essa playlist maravilhosa, ficamos com “Blow Me” do álbum The Truth About Love, de 2012, da P!nk. Ela fala de decepção amorosa de um jeito sem ser meloso, chutando o pau da barraca, daquele seu jeitinho Pink de ser.

Essa e outras playlists, presentes no blog, podem ser ouvidas sem interrupções no Meu canal do YouTube. Se inscreve lá! 😀

Gostaram? Já conheciam? Me deixe saber nos comentários!

Beijooooos.

Publicado em Músicas

Kailee Morgue

Você já ouviu falar nesse nome? Tenho quase certeza que não, pois, ninguém do meu convívio a conhece, a não ser eu mesma! 😅😅😅

Kailee Morgue é uma cantora nova, em início de carreira, com uma voz extremamente doce e canções maravilhosas! Descobri sua música, “Medusa”, por acaso no YouTube – sabe quando você termina de ver um clipe e começa outro aleatório na sequência? – e desde então passei a acompanhar essa cantora talentosissíma de apenas vinte aninhos.

Nascida em 15 Julho de 1998, natural de Phoenix, Arizona, Kailee Nicole Moore possui um estilo alternativo (seu cabelo já foi verde e agora está cor de rosa), suas músicas tem uma batida pop indie e as letras são bem reflexivas. Adotou o sobrenome artístico “Morgue”, que na verdade significa: “Necrotério”. Sinistro não?! Aliás, ela faz bruxaria! 😱

Kailee tem 14 tatuagens e é pansexual

Coincidentemente (ou não), a primeira música que conheci dela (Medusa) é a mesma responsável pelo seu aparecimento no mundo da música, que inclusive virou o título do seu primeiro EP. Ela compartilhou a demo dessa canção no seu Instagram e se tornou viral da noite para o dia.

Em 2017 fechou contrato com a gravadora Republic Records de Nova York (a mesma que produziu artistas como: Melanie Martinez, Panic! At the Disco, Carly Rae Jepsen, Ariana Grande, Lorde, entre outros…) e em 19 de janeiro de 2018 lançou seu primeiro EP de estúdio com quatro faixas: Medusa, Discovery, Ghost Of Mine e Unfortunate Soul.

Capa EP Medusa

Kailee tem contato com a música desde os 10 anos, quando ganhou seu primeiro violão e em algum momento da adolescência começou a compor suas próprias músicas. A propósito, é possível encontrar no YouTube seus vídeos covers de quando ainda não era famosa.

Atualmente está trabalhando em seu primeiro álbum de estreia, que deverá ficar pronto em 2019! Seu último single lançado até o momento é “Siren” que se tornou a minha música preferida, depois de “Medusa”, é claro rs.

Outras músicas já foram lançadas como singles promocionais do seu álbum que ainda está por vir, igualmente boas, sendo: F**k U, Go to Sleep (feat. Bearson) e Do You Feel This Way (feat. Whetan). Vale a pena você ouvir, eu mesma gosto de todas essas!! Não tenho a menor dúvida que Kailee Morgue se tornará um sucesso estrondoso! 💥💥💥

“Quando você ouve a minha música, eu quero que ela te rodeie e lhe dê uma compreensão não apenas do que você está ouvindo, mas de si mesmo. Espero que as músicas deixem você feliz e te distraia de tudo que você está passando. Essa é a minha visão para tudo isso.” (Citação da cantora)

Publicado em Músicas

Música

🎶 Nosso sonho
Se perdeu no fio da vida
E eu vou embora
Sem mais feridas
Sem despedidas
Eu quero ver o mar… 🎶

 Se voltar desejos 🔥
Ou se eles foram mesmo 🌪
Lembre da nossa música 🤔
Música 🎧

Se lembrar dos tempos
Dos nossos momentos
Lembre da nossa música
Música 🎧

Nossas juras de amor ❤
Já desbotadas
Nossos beijos de outrora 💋
Foram guardados
Nosso mais belo plano 🗓
Desperdiçado
Nossa graça e vontade ✨
Derretem na chuva

Se voltar desejos 🔥
Ou se eles foram mesmo 🌪
Lembre da nossa música 🤔
Música 🎧

Se lembrar dos tempos
Dos nossos momentos
Lembre da nossa música
Música 🎧

Um costume de nós
Fica agarrado
As lembranças, os cheiros
Dilacerados
Nossa bela história 📖
Tá no passado
O amor que me tinhas
Era pouco e se acabou 💔

Se voltar desejos 🔥
Ou se eles foram mesmo 🌪
Lembre da nossa música 🤔
Música 🎧
Se lembrar dos tempos
Dos nossos momentos
Lembre da nossa música
Música 🎧

(Vanessa da Mata)